domingo, 16 de novembro de 2014

5 dicas para recusar sexo como uma mãe.

A autoria da frase "a melhor coisa do mundo são as crianças" é de uma mulher. É a de uma recém-mãe que se apercebeu que acabou de ganhar mais umas quantas desculpas para dizer que não ao sexo. 

Eles já descobriram a da dor de cabeça por esta altura, por isso há que inovar. 


5) Co-sleeping

Somos umas queridas, não somos? Diz-se que o mais natural é dormir-se acompanhado e que os bebés se sentem mais seguros  (e nós também) se dormirmos todos juntos. É uma ideia maravilhosa. O maior argumento a favor nem é o bebé sentir-se bem nem a mãe dormir melhor. Acho que nenhum animal teria a ideia de "chega-me para cá esses cocos" com um lactente no pikolin.

4) "Cheiro a azedo".

O bom da amamentação? Não, não é ser o melhor alimento para o bebé e o mais adequado. Reforçar as defesas? Para quê? O melhor da amamentação é que, a maior parte das vezes, nos deixa sujas de leite. E o que faz o leite ao ar livre? Não, não dá um concerto de tributo aos Queen. Azeda. Alguém quer fazer amor com um pedaço de fêmea no pós parto e que fede a vómito de cria? Não, tarados. Não é um convite, era só uma pergunta retórica para explicar que... deixem estar.

3) "Ainda sinto os pontos".

Eles ficam super sensibilizados por tudo o que passámos no parto. Fez-lhes impressão passarmos por tal sofrimento. Invoquemos essa altura em que fomos heroínas para nos safarmos às investidas. Os miúdos já têm 30 e tal anos e namoram com uma porquita qualquer e nós "ainda sentimos os pontos" e o "o sítio onde me espetaram a epidural". Como é que eles hão de saber se é verdade? 

2) "A noite foi um cocó".

Só nós estamos equipadas para acordar com o choro da nossa cria ou será o segredo mais bem guardado do género masculino? Seja como for, aproveitemo-nos disso. Passe a nossa cria a noite toda a dormir sem interrupções (aquelas noites em que achamos que, na volta, estão em coma) ou tenha aquelas noites em que mais parece uma fã dos One Direction, a nossa noite foi sempre horrível, estamos sempre de rastos. Não interessa também se é verdade ou não porque independentemente disso pareceremos sempre um bife de alcatra "médio mal" o que corroborá connosco.

1) Estar super pronta para isso. 

Deve ser a técnica mais infalível de sempre. Haverá algo que o nosso tipo ache mais estranho do que estarmos super prontas pelo momento?

- Anda, anda fazer amor, querida. 

E dizemos isto enquanto fazemos uma "corridinha de aquecimento":

- Vamos, pá! Ganhar, ganhar! Vamos para cima deles! Até comemos a relva! Até os comemos, pá! 


Obrigada, crianças, são mesmo o melhor do mundo.








12 comentários:

  1. Ahah.. o qe eu me ri com o 4 e 5!! :-) realmente o co-sleeping além de ser ótimo para afastar machos famintos é ótimo para babarmos as nossas crias no seu soninho!
    Adoro ver a minha princesa dormir! E durmo muito melhor desde qe optei pelo co-sleeping!

    As crianças são mesmo o melhor do mundo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Adorava dormir com a Irene, mas além dela não deixar, eu não consigo dormir com os barulhinhos dela. :( e vai dormir contigo até quando, Joana? Ela não acorda quando vocês se mexem? Quando o pai ressona?

      Eliminar
    2. Queria ver se a mudava para a cama dela antes de começar a trabalhar.. em meados de Janeiro.. mas assim qe a ponho na cama dela acorda.. :-( nao ela n acorda.. e o papá nao ressona :-p a Irene passou bem para a caminha dela?
      Ela está numa fase qe n quer dormir sozinha.. nem de dia.. fica no maximo meia hora nos dias bons depois chora.. :-(

      Eliminar
    3. A Irene foi logo no 2º dia para o quarto dela. Toda a gente estranha porque sou super apegada a ela e não seria uma decisão que eu "tomaria", mas fez-me bem. Além disso, como estamos equipadas para ouvir tudo o que eles fazem, mesmo sem intercomunicador, eu ao segundo gemido já estava sempre levantada. Foi mais chato para dar de mamar, mas... habituei-me logo desde cedo a essa vida ;)

      Mas... gostava tanto de dormir agarradinha a ela... Grr!!

      Eliminar
    4. A minha sempre dormiu na minha cama e agora que estou grávida e durmo mal de noite tou arranjada,ainda hoje estava tão ferrada a dormir que ele é que se levantou porque a ouviu logo a primeira!Ultimamente tem sido sempre assim.. =) o meu marido tem destas coisas! =P

      Eliminar
  2. Qd se tem um filho que até aos 6m acordava às 8 vezes/noite, nao ha melhor "desculpa". Tira a vontadinha a qualquer um, tal é o cansaço!!!
    A mim bastou esta "desculpa"!!!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahaha Às vezes é preciso relembrá-los de quem tem o turno da noite ;)

      Eliminar
  3. Ahahahahahahaha este texto está demais!

    ResponderEliminar
  4. Não sei... a mim parece-me que o simples facto de amamentarmos faz com que não queiram nada connosco. Dá-me cá a impressão que eles são tipo Telmo daquela primeiríssima emissão do Big Brother... remember? Era qualquer coisa do género "A mãe dos meus filhos não há-de tal e tal e coiso aqui e tal". Mamas (sem til, mesmo), bebé e sexo arrebatado faz-lhes espécie na consciência. Para eles o corpo da mulher não pode ser de dois seres ao mesmo tempo, à semelhança de quando estamos grávidas.

    ResponderEliminar