quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Mais uma...

Tenho partilhado convosco as minhas estupidezes. Esta acho que também é ... engraçadinha. Sai à dona. Aqui a menina, armada em hipster anda a tirar fotografias com uma máquina fotográfica analógica. Comprei a máquina numa viagem de família a Budapeste numa loja local por uns 6 euros, nunca lhe liguei muito. Agora que a minha máquina digital está a arranjar, não tenho outra hipótese. 





Primeira parvoíce: 

- A minha máquina digital é muito velha e aceitei um arranjo cujo valor é equivalente a actualmente comprar uma máquina duas vezes melhor na internet. 

Segunda parvoíce? 

- Raramente estou com a família do meu pai, estão todos espalhados por aí tipo doença venérea. Uns estão em França, outros em Pinhel, na Guarda, outros no Montijo (tudo muito longe). Eles vieram cá, estivemos todos juntos. Tirei imensas fotografias. 

- Fartei-me de tirar fotografias à Irene no Oceanário com a Avó e o Avô e o Pai que devem estar fabulosas. Maravilhosas. 

- Fui hoje ao parque e foi lá ter uma amiga minha com o marido e filho e também gostei muito de tirar tantas fotografias. Brutais, de certeza.

Se calhar não.

Quando cheguei a casa, olhei para a máquina e... o rolo tinha acabado. Pensei: "wow, que giro, mesmo quando cheguei a casa". Depois fiz a experiência de ver se dava para parecer que tirava fotografias mesmo já com o rolo acabado e... dá.

Há quantos dias ando eu feita parva a achar que estou a tirar fotografias?

QUE NERVOS!



PS - QUE COISA MAIS BIZARRA! Estava num site à procura de uma imagem de uma máquina fotográfica para publicar aqui, escrevi "analogic camera" e a primeira que me apareceu foi a "minha", a tal que comprei numa loja local de Budapeste!! Quais são as probabilidades?

3 comentários:

  1. Ainda tenho algumas também, algures guardadas numa gaveta cá em casa

    ResponderEliminar
  2. Se bem me recordo dessa técnica do rolo ainda dar o que acontece é que as fotos ficam sobrepostas....mas confesse que está com aquele nervoso miudinho, expectativa para ver como ficaram as fotos! E mesmo que não fiquem "boas" por vezes são as mais bonitas e espontâneas! Ah e shame on you o Montijo não é assim tão looooooonge! Pela VG é um instantinho e outra alternativa é apanhar o barco no Terreiro do Paço ( e acho que a Irene iria gostar desta viagem) bjs da Margem Sul :)

    ResponderEliminar