terça-feira, 17 de novembro de 2015

Para as mães que ainda não sabem o que é dormir.

Antes de mais quero dizer que o seguinte post* só diz respeito às minhas companheiras nas noites de miséria, aquelas noites em que ainda somos acordadas 42 mil vezes por noite, pelas nossas valentes crias que, nestas alturas, até nos esquecemos que fomos nós que as quisemos ter - vá, não é bem assim, mas quase heheh. 

É preciso relativizar, não é? Fácil falar, bem sei...

Imaginem que... além da criança acordar imensas vezes durante a noite (normalíssimo, mas isso não quer dizer que isso nos faça andar aos pulos de felicidade dum lado para o outro), têm também uma criatura na cama, que vai além dos 70 kg e que julga ser um reco-reco. Não sabemos de onde vem aquela capacidade de ressonância, mas caramba que tudo ecoa. Temos vontade de dar um murro no nariz do nosso amor? Ai, se temos. Eles ficam giros a dormir, mas quando não têm o nariz entupido. 

Depois disto, a criança acorda, com os roncos do pai e porque também está constipada. Também ela está doentinha e provavelmente foi o raio do pai que acha que é imune ao frio e a chuva e nunca veste o casaco que lhe pegou. Já ninguém ouve a mãe quando lhes diz para andarem vestidos (não que andem nus). A criança acorda e quer leitinho, mas com a mama ou a tetina na boca parece que lhe estamos a fazer uma "amona" na piscina. Não consegue respirar decentemente. O pai ressona. A criança não consegue mamar. 

A mãe já está a ficar doente também e, enquanto a criança adormece e lhe dá uns abaninhos no rabo, inclinada sobre a cama dela (se não fizer co-sleeping ;)) caem-lhe uns pingos do nariz e só lhe apetece fungar. Funga. A criança acorda. O pai não. Esse continua a ressonar por ter o nariz entupido. São muito espertos, não são? Nunca acordam com os miúdos, nunca. Têm todos um sono muito pesado...

Isto é um dos piores cenários durante o Inverno (e que, mesmo assim, já ouvi dizer que se espetarem aquelas gostas para o nariz -  Neo-Sinefrina - , fica tudo resolvido mais facilmente e podem ter um Inverno bem disposto), por isso, quando acordarem 10 vezes numa noite, pensem que podia ser pior. 

É assim que resolvo as coisas na minha cabeça! :)

Já experimentaram alguma vez estas gotas para o nariz? Funciona bem? Se sim, vou me munir disso tão freneticamente como me muno de bolachas.



*post escrito em parceria com a agência de comunicação.

15 comentários:

  1. Joana, já experimentei a Neo-Sinefrina e gostei. Quer dizer, experimentei no gaiato ;) ele não gostou muito de ter que levar com aquilo! O importante é fazer o tratamento todo (penso que são 5 dias, mas agora não tenho a certeza, tenho isso escrito na caixa).
    De qualquer forma, antes de lhe por as gotas faço sempre aerossóis com o soro normalíssimo e costuma, na maior parte das vezes, aliviar.
    Isso e levantar a cabeceira da cama.
    As melhoras!!!
    Ah! Sim, eles têm sempre o sono muito pesado, mesmo com o intercomunicador a cm´s de distância...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Correção, pois penso que não está claro: faço aerossóis e depois se vir que não alivia é que faço a neo-sinefrina. Caso alivie, nao faço :)

      Eliminar
    2. Penso que esta incorreta, o pediatra a mim disse que as gotas não se podem usar mais de 5 dias :) devem usar/se o menos possível, porque podem ter efeito contrário (ao secarem as mucosas, o organismo produz mais secreções para tentar normalizar). Eu já usei e não acho que resolva grande coisa, sinceramente.. Prefiro soro hipertonico, lava sem secar ;)

      Eliminar
    3. A minha bebé tem 14 meses e a pediatra deu indicação de só poder fazer essas gotas 3x/dia durante 3 dias. Faz efeito no momento. Agua do mar é melhor e pode se por mais vezes e mais tempo - unimer

      Eliminar
    4. Já confirmei: 2 gotas em cada narina, 3 x dia, durante 5 dias, não mais.
      Não esquecer que tudo depende do peso da criança e claro está, do pediatra...

      Eliminar
  2. Sim, já experimentei a neo-sinefrina na cria (mas diluida com soro - indicação médica). Resulta, mas esta noite foi temporário :) as 2h da manha voltou o nariz entupido e acabou-se o sono durante umas horas.
    As melhoras dos doentes ;)

    ResponderEliminar
  3. Comprovo por experiência própria que resulta tanto em crianças como adultos. Comecei a tomar em criança, receitado pelo meu tio - otorrinolaringologista - e ainda hoje uso.

    Atenção: colocar só as gotas indicadas (não falo em relação à tua filha pois tenho-te como mãe consciente e sei que não vais abusar). Mas quanto a ti e ao teu marido usem só as gotas indicadas e esperem o efeito. Claro que para adultos a dose é maior mas não façam como eu, esguichei metade do frasco (ou mais) numa noite e acabei com umas dorzitas incomodativas no nariz (e claro que ainda levei na cabeça quando perguntei ao meu tio se era normal). Isso é para colocar as gotas e esperar o efeito. Não sei ao certo o número de gotas indicado mas posso perguntar ao meu tio e dizer-te ;)

    Beijinhos e as melhoras para todos :)

    ResponderEliminar
  4. Comigo (ainda uso, e sempre Neo-Sinefrina Infantil, que a de adultos é um bocado agressiva) resultou, e com o Lucas também.

    Atenção: não usar por mais de 5 dias (creio que pode ser só um dia, se for preciso) e não ultrapassar as 3 utilizações ao dia.

    Na Irene o melhor é colocares quando lhe fores mudar a fralda, antes do processo, duas gotas em cada narina. Isto porque aquilo a modos que derrete o ranho (é a sensação que tenho), e assim como ela está deitada de barriga para cima (a menos que tenhas uma técnica marada para mudar a fralda), vai fazendo efeito e não escorre pela cara abaixo.

    As melhoras!

    Ah e quando ao Frederico o melhor é mesmo umas cotoveladas a dizer "vira-te" (pois em princípio o ronco é menor se dormirem de lado ou barriga para baixo).

    ResponderEliminar
  5. sim, funciona, mas o médico disse me para nao colocar mesmo à hora de dormir, e sim um pouco antes

    ResponderEliminar
  6. Eu utilizei uma vez na minha filha e ela teve tremores que é um dos efeitos secundários, por isso não dei mais.
    Dou-lhe fenistil gotas e faço nebulizações com soro.
    As melhoras.

    ResponderEliminar
  7. Funciona sim! quando o inverno começa tenho logo o stock lá em casa pronto para a ação. Serve para o mais velho de 5 anos e o mais novo de 1 ano :)

    ResponderEliminar
  8. Joana, comecei a usar isso na minha filha diluído em soro por indicação médica porque a minha filha ainda só tem 7 meses e confesso que não noto grandes melhorias. A médica especialista em pneumologia não me deixa fazer aerossóis. Recomenda fazer vapores mas os do banho, quando toma banho da água normal.
    A tua descrição só não poderia estar mais igual à minha situação não fosse a minha filha acordar com muita tosse e em vez de roncos (quando também não estão presentes) são barulhos estranhos que o pai faz com o nariz e garganta devido à alergias. De resto revejo-me em tudo o que escreveste. Beijinhos e as melhoras para vocês.
    Eu andei a aguentar-me a bronca mas agora também fiquei constipada.

    ResponderEliminar
  9. O pediatra do meu filho recomenda que coloquemos uma gota em cada narina antes do banho, esperar que durante o banho faça efeito e "abra" o canal e depois do banho colocar a segunda gota. Resulta mesmo!

    ResponderEliminar
  10. Como me identifico.... Neo sinefrina caso os aerossóis nao resolvam. O meu pequeno não gosta muito.

    ResponderEliminar
  11. Neo sinefrina é optimo e tb usava bastante até k a médica começou a reclamar.. e pk?? pk a neo sonefrina é secante.. e seca em vez de ajudar a sair... o k acontece é k demoram mais tempo a tratar esses "entupimentos" a longo prazo... desde entao abuso mais do aspirador e do soro! e dorme com uma das nossas almofadas para ter a cabeceira mais alta e ajuda a não estar tão entupido :)

    ResponderEliminar