domingo, 15 de novembro de 2015

Quem é que foi à praia em Novembro?

Nós! Veio uma amiga minha dos Açores e achou que seria uma boa ideia ir à praia. Foi, mas toda a gente teve a mesma ideia, claro. Ainda para mais à de Carcavelos... 

A Irene estava eufórica por poder voltar a brincar com os "bolos" (os brinquedos de areia do Ikea) na areia e já passou tanto tempo desde a última vez que até estava meio esquisitinha por andar descalça na areia. 

Esteve tão mas tão entretida que até pude ter conversas do princípio ao fim sem lhe ir respondendo "sim, já vai", "a mãe sabe", "é um bicho, é". Assim, foi bom para as duas. Esteve absorvida pelas "novidades", olhou para o mar e até chegámos a ir molhar os pés (no caso da mãe as botas que se esqueceu de tirar com o entusiasmo todo). 

Foi óptimo estar com mais gente com filhos. Pessoas que conheço há muitos muitos anos e foi bom partilhar as novidades. Percebo por que é que as pessoas com filhos pequenos se juntam: os horários são semelhantes, as preocupações também, etc. 

É capaz de ser frustrante para as pessoas sem filhos lidarem com o nosso ritmo, com os nossos à partes, com as nossas "complicações de horas", etc. 

Foi uma tarde óptima. Como se fosse um dia em família, mas sem ser, mas sendo. 

Beijos à Ana, Mafalda, Filipa, Francisco, mini-francisco, Bé, Maria e à Cai (a cadela enorme). Quero mais! 



















1 comentário:

  1. Que delícia um dia de praia em novembro. :)
    Estou cheia de inveja (da boa).
    E sim, é mais fácil estar com alguém que também tem filhos, os interessem encaixam e as conversas também.
    Claro que também é ótimo estar com os outros amigos que não têm filhos mas, numa saída diferente, à noite, quando os miúdos ficam com os avós. :P

    ResponderEliminar