quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

E por que é que eles nascem iguais ao pai?

Já repararam, certo? Que eles nascem com a focinheira do nosso homem... e que toda a gente faz questão de nos dizer isso assim que os vêem e de nos enervar com isso...

Porém, existe uma explicação. Eu, pelo menos, já a ouvi e acredito nela:

Como dantes não havia testes de ADN e o pessoal vivia todo um bocadinho naquela onda da maluqueira, a natureza arranjou essa maneira de mostrar ao pai que a criança era dele e não de um pinheiro. 

Claro que há estudos que dizem que os bebés nem nascem parecidos com os pais ou que isto é mentira, mas deixa-me mais quentinha acreditar que sim, que isto pode ser verdade. E, sinceramente, faz-me imenso sentido... 




Sabem também o que acabei de ler? Que toda a gente diz que parece que é o pai, mas quando o pai está presente. Ahah Tudo numa de o deixar descansado, que giro!

12 comentários:

  1. A minha filha, curiosamente não se parece especialmente com nenhum dos dois. Eu própria já perguntei ao meu namorado se ele tem a certeza que foi ela que ele viu a nascer. Ele diz que sim.
    Depois as pessoas vão dizendo que parece a mãe porque é branquinha de olhos azuis ou que parece o pai porque, de facto, não é parecida com a mãe. E depois temos a minha sogra que diz que é a cara do pai quando era pequeno e que os olhos azuis foi buscar a uma prima do lado do bisavó da mãe do pai.... É giro, é giro!

    ResponderEliminar
  2. Põe aqui temos dois com a cara do pai! Mas... Com expressões da mãe! Para eu ficar mais contentinha! Btw adorei o ser filho de um pinheiro, lol

    ResponderEliminar
  3. o meu é o pai, até chateia...
    gosto dessas teorias hehe

    ResponderEliminar
  4. Eu conheço a teoria do "vinculo". Nós estamos intimamente ligadas ao bebé pois ele vive dentro de nós, já o pai está "ali ao lado". Assim, quando nasce, o bebé assemelha-se ao pai para que este crie uma ligação afectiva, um vínculo com o bebé que acabou de nascer! 😉

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também já li essa teoria!! A minha nasceu cara chapada do pai!! Agora já está a melhorar!! Ehehe

      Eliminar
    2. Também já li essa teoria!! A minha nasceu cara chapada do pai!! Agora já está a melhorar!! Ehehe

      Eliminar
  5. Permite-me refutar, a minha é uma fotocópia minha ;)

    ResponderEliminar
  6. Ela se eu fosse medieval estava bem lixada. O meu filho ao nascer era a minha cara (dito pelo pai em jeito de amuo). Mas depois cresceu um bocadinho e ficou parecido com o pai e zero igual a mim, só tem mesmo expressões. Aos 24m está a ficar muito igual ao meu pai.. Os miúdos mudam imenso!

    ResponderEliminar
  7. A minha é toda a mãe, avó e bisavó maternas! O pai não teve direito a nada!!

    ResponderEliminar
  8. Quando o meu filhote nasceu a primeira coisa que o meu marido disse (ou uma das primeiras, vá) foi: é tão parecido com o teu pai (o meu entenda-se). E é mesmo, mas tem muitas coisas do meu marido também, é uma boa mistura dos homens da minha vida ahahahahah.

    ResponderEliminar
  9. É justo. Para compensar os meses de gravidez que a atenção foi (quase) exclusiva para a mãe e para garantir/reforçar o laço paternal com o bebé já que no pai não é tão directo como na mãe.

    ResponderEliminar