terça-feira, 22 de março de 2016

A minha terapia.

Não me apetece escrever. Fico-me pelas imagens, bonitas e cheias de vida, da nossa tarde de ontem. Depois de ter lido palavras duras acerca de mim, de quem pouco ou nada me conhece, do meu texto, do meu blogue, da forma como "ganho a vida", por pessoas que me apelidaram até de "besta", incapazes de compreender e interpretar ironia, estes momentos no campo funcionaram como terapia. 

Fazer a minha filha feliz, o maior e mais importante objectivo da minha vida. O resto? É nada.
























Obrigada à tia Joana e à Necas por este casaco tão giro que ofereceram à Isabelinha no aniversário!

54 comentários:

  1. Joana não ligues aos comentários depreciativos e duros. São claramente um "nicho" que não merecem atenção. Foquem-se nas pessoas que adoram ler os vossos posts sérios, irónicos, cómicos, etc. Eu não sou mãe e não há um dia que não passe por cá. Adoro :) Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Bem tento não ligar, mas há dias mais complicados :) Um beijinho e obrigada, mais uma vez!

      Eliminar
  2. É isso mesmo Joana, o resto é nada!!! Beijinho

    ResponderEliminar
  3. E que tal, durante a gravidez, não leres os comentários? Pedes a alguém que o faça e respondes/lês só aqueles que são positivos.
    Estás numa altura muito sensível e dares importância a isso não é nada bom.
    A Isabel está a tornar-se numa linda rapariga grande!!! É o que diz a minha filha em relação a ela própria... tem dois anos e meio...lol!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Neste caso, além dos anónimos no blogue foram uns quantos num grupo enorme de Mães do FB, que fui obrigada a ler (taggaram-me). Mas já passou! Muito obrigada! Também acho que ela está cada vez mais giraça (e tãooo crescida). beijinhos e obrigada!

      Eliminar
  4. Joana, não deixes que esses comentários se penetrem na tua alma. Tudo o que escreves é tão bonito e tão carregado de sentimento que seria uma grande perda se começasses a ter de escolher a forma do que escreves. Sim, o resto é nada. :*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, vou "continuar a ser eu própria", como dizem na Casa dos Segredos haha
      Um grande beijinho e obrigada

      Eliminar
  5. Joana, obrigada pelas palavras. Ontem também tive um dia muito difícil, a verdade é que o mundo está cheio de pessoas más e invejosas, mas também de pessoas boas e cheias de amor. Vamos nos focar nas nossas maiores alegrias, nossas filhas. Obrigada e receba todo o meu carinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso! Focar no importante! Carinho daqui para aí também! Beijinhos!

      Eliminar
  6. O que aconteceu?
    Ignora comentários de pessoas que nem coragem tem de mostrar a cara. Pessoas que não sabem do que falam. És linda, a tua filha é linda (a luisinha também vai ser e é, certamente) e a tua família é o sonho de muita gente, é isso que chateia muitos, não conseguirem alcançar a verdadeira felicidade e o sucesso! És uma grande mulher, força, beijinhos :)
    Andreia <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Andreia! Hoje fiz questão de vos responder a todas, porque nem sabem o bem que me fizeram com estes comentários. Obrigada, obrigada!!

      Eliminar
  7. Quando estamos com as hormonas aos saltos é normal como tu sabes que levemos as coisas mais a peito, mais a fundo, as boas e a menos boas... As pessoas podem dizer o que quiserem mas quando são maldosas é esse o lado que vêm, nada mais.
    Tu não podes agradar a todos,e com certeza não é isso que te move... Para mim o que te move é o AMOR ... aquele que sentes pelas tuas filhas pela tua família, pelo que te rodeia e pelos pormenores a que dás toda a importância... o AMOR só faz sentido quando partilhado, eu agradeço que o partilhes connosco (e também a Joana Gama) porque é sempre (quase) bom ler-vos e revermo-nos nessas leituras... O resto é mesmo só o resto.

    VIVE O AMOR

    Um grande beijinho

    Paula Leça

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grávida ou não, sempre fui muito sensível à ofensa gratuita! Faço um esforço hercúleo para não sofrer, mas vou tentar melhorar! Um beijinho, Paula

      Eliminar
  8. Que fotos queridas!! Ansiosa por levar a minha Noa a saltitar nas poças, cresci assim com espaço, lama, flores e ar puro. Só tenho pena de não poder proporcionar o mesmo à minha filha! Quanto ao "resto" é o resto mesmo... Não percebo a necessidade da maldade, o melhor que fiz foi bloquear os anónimos, quem quer dizer o que seja identifica-se, ngm chega ao pé de nós na rua de máscara ou de costas porque havemos de permitir que se escondam atrás de um perfil anónimo para criticar?
    Beijinhos e tudo a correr bem, a Isabel tem um ar tão docinho ❤️

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo um docinho, modéstia a parte hehe Muito obrigada! (ela adorou saltar nas poças, no dia seguinte já queria calçar as botas outra vez eheh). Beijinhos e obrigada!

      Eliminar
  9. Parabéns pelo teu espaço fantástico...
    Lindas mensagens, lindas fotos, momentos únicos e cheios de sentimento...
    Sabe bem visitar-se aqui e ver tanta coisa boa...

    Nesta fase, lê apenas o que é bom de se ler, tudo o resto... ignora, pois não são dignos da tua atenção...

    Muitos beijinhos para ti, para a tua família e para a Joana Gama e família dela também... Voces são únicas :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou tentar, juro! Um grande beijinho e obrigada, Carla!

      Eliminar
  10. De onde é o casaco???é super giro!
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai que não me lembro. Petit Patapon? Petit Bateau? Amh ja ca venho confirmar! hehe sorry! Beijinho

      Eliminar
  11. Coração! Volto a dizer: sorri e acena. És demasiado feliz, fazes as coisas demasiado bem, tens amigos que te dão o valor que tens, tens uma família linda e feliz e tens tudo o que mereces ter. Trabalhas duro para seres feliz e bem sucedida e há pessoas que não sabem o que isso é. Não te serve de nada dares ouvidos ou levar a peito quem não tem nada a não ser inveja. É sorrir e acenar. Vai sempre existir gente que só quer dar violência gratuita porque sim, só porque pode. Quanto mais ignorares os bullys, menos poder eles têm. Eles só têm poder enquanto lhes dermos ouvidos, enquanto lhes dermos tempo de antena. Deixa os falar. Nem leias metade. Se a meio reparares que é bully, passa à frente. O João nunca foi vítima de bullying porque sempre ignorou. Vozes de burro não chegam ao céu e os cães ladram e a caravana passa. Sorri e acena. Mas à rainha que tem muito mais classe! :P

    ResponderEliminar
  12. Linda a Isabelinha. Saltar pelas pocinhas de botinhas amarelas :) é o q interessa, o resto é mesmo nada (desejo-lhes uma granda gonorreia e q fiquem com a boca torta e vesgos de um olho)!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahaha adorei os desejos <3 Obrigada pela força! Beijinhos

      Eliminar
  13. Joana, não ligue! Há pessoas más só porque sim! Eu gosto do que leio, uns dias mais do que outros, mas gosto. Continue! Beijinho! Sandra Fernandes

    ResponderEliminar
  14. Joana, sem querer, com estas fotos, fizeste-me viajar no tempo e recuar aos tempos de infância. Que saudades de correr nas estradas do campo e nos caminhos enlameados, de saltar nas poças de água, de respirar o ar puro e gelado da manhã, de ver os primeiros raios de sol a espraiarem-se nos campos e a derreterem lentamente a geada da noite. Hmmmm... que maravilha!
    Sigo-vos desde que chegaram à blogosfera e, ainda que não concorde com tudo, gosto muito de vos ler. Quanto ao resto, essas pessoas têm bom remédio: esfreguem os cotovelos nas paredes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom que a fiz voltar à infância e a essas memórias boas! Um grande beijinho e obrigada pelo comentário (esta caixa de mensagens fez-me mesmo bem ao coração)

      Eliminar
  15. É assim Portugal é um país de invejosos quanto mais mostras que és feliz mais inveja têm da tua vida, da tua filha, do teu marido, da tua família, das tuas coisas, do teu blogue, do teu sucesso. Sacode os ombros e continua a mostrar que és feliz.

    ResponderEliminar
  16. Minha querida "caga" nisso ;) tens o melhor do mundo a Isabel e o novo rebento e muitas leitoras que te adoram ;)"E o resto? É da." ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já caguei! Hehe (pelo menos por agora lol) Um grande beijinho e obrigada Sónia!

      Eliminar
  17. Joana
    tal como disseste são pessoas que não te conhecem e como também nao me conheces, eu digo te sou do Porto e cá sabes o que se diz a isso?????
    A inveja é fodida
    por isso comentarios desses só podem vir mesmo de pessoinhas más ♡
    Parabéns a ti ♡♡
    Isabel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isabel, só pode ser boa pessoa! Hehe Muito obrigada e beijinho para o Porto, carago!!

      Eliminar
  18. Joana! antes de mais adoro teres tomado a decisão de ir morar para o "campo". Daqui escreve uma campónia, que ao invés de ficar na grande cidade regressou à aldeia, reconstruiu casa e vive feliz com essa decisão, principalmente quando vejo a alegria da minha filha no "quintal", tal como a tua Isabel! Em relação à velhaquice alheia que por aí prolifera, ignora! eu entendo perfeitamente que não é fácil, ainda para mais grávida (tb estou :) 31 semanas por aqui!) ignorares ou passares uma borracha mas a realidade é que hoje em dia, qualquer pessoa que se farte de trabalhar, tenha sucesso e transpire felicidade é imediatamente criticada e ainda leva com o rótulo de pessoa "sortuda" porque lhe calha tudo a jeito, porque tem pais ricos, porque não sabe o que custa a vida bla bla bla, ou seja, gentinha que não tem vida própria e vive de mal de inveja. O vosso blog é um sucesso portanto foca-te nisso e na tua família linda!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande beijinho, Inês! Fizeram horta no quintal? Ando aqui com umas ideias...
      Um beijinho grande e tudo a correr bem com a gravidez e com a filhota! Beijinhos e obrigada!!

      Eliminar
  19. tu és mesmo incrível, sabias? por seres assim, linda, com um coração enorme e dona de uma jovialidade contagiante. estás a construir uma família tão bonita, querida Joana! espero que nunca te esqueças disso. tu tens, sorte, claro. mas olha que a Isabel também têm muita sorte por lhe ter "calhado" uma mãe como tu. um grande beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Era suposto ficar a chorar baba e ranho, Sôdona Bravo? Um beijo enorme, lindona! Love you! Beijinho

      Eliminar
  20. Grande beijinho Joana!e obrigada por partilharem tanto de voces e dos vossos, ainda nao comecei a construir a minha "mini familia" mas voces ja sao para mim uma grande inspiracao
    Ines T

    ResponderEliminar
  21. Joana, manda-as CAGAR!!

    ResponderEliminar
  22. Não te conheço Joana, mas pelo o que escreves e da forma como escreves dá para perceber que és uma pessoa inteligente, divertida, carinhosa e, acima de tudo, feliz. Continua a partilhar a tua história, o teu dia-a-dia, seja nas experiências mais banais, seja nas mais especiais, dessa forma tão honesta e divertida, como eu acho que fazes. Eu adoro o vosso blogue por isso mesmo: vocês falam sobre a vossa vida com o coração aberto e isso inspira-me, a mim, que sou uma mamã recente. Nos primeiros tempos, mais difíceis, ler o vosso blogue "salvava-me o dia". Obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Epa, muito obrigada! Tão bom saber que chegamos a alguém dessa forma. Um beijinho grande

      Eliminar
  23. Olá Joana!Adoro o vosso blog, é autêntico e cheio de graça. Ignora as palavras menos boas vindas de pessoas mal formadas. Continuem a escrever...
    P.S:As vossas filhotas são uns amores
    Vanessa

    ResponderEliminar
  24. Admiro a vossa coragem de terem um blogue. Eu adoro escrever mas seria incapaz de gerir saudavelmente os comentários maldosos. É fácil dizer para não ligar e é de facto o correcto a fazer, mas quando magoa, magoa, e leva o seu tempo a curar. Força Joana, e continua a escrever, és uma corajosa!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É a parte mais difícil, sim! Principalmente para pessoas como eu, muito sensíveis a críticas pouco construtivas e a ódio, tão gratuito... Nem sei se algum dia me vou habituar! Dizem ser o preço, mas há momentos em que é sai bem caro! Um beijinho e muito obrigada pelo apoio!

      Eliminar
  25. Só tenho uma coisa a dizer sobre isto: inveja!
    Para mim és uma inspiração, um exemplo! Obrigado pela partilha, pelas ideias e pelos sorrisos que nos arrancas com o teu bom humor.
    Fotos maravilhosas e Isabel feliz! Isso é que importa!
    Beijinhos e desejo-vos tudo de bom <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, obrigada, obrigada! Um grande beijinho e tudo de bom para si também!

      Eliminar
  26. Keep Calm and Carry On ;)
    Na primeira foto a Isabelinha esta com ar de marota. Adoro! Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também adoro a expressão dela! :) Um grande beijinho, Janete!

      Eliminar
  27. Joana querida, tens um blog de grande sucesso! Essa é que é essa!
    Parabéns pelo sucesso do blog, pela tua filhota tão querida e cheia de saúde e por tantas outras coisas boas que fazem parte da tua vida! Não são meia dúzia de pessoas que te vão tirar o sono, certo?
    Beijo grande para ti e quanto aos outros, como dizem os cariocas, “Beijinho no ombro”!
    Margarida Paim

    ResponderEliminar
  28. Joana, vou ser mãe de primeira viagem, hoje completamos 21 semanas de gestação. Apesar de mostrar que tenho um iceberg no lugar do coração, também sou humana, e também me custa ouvir determinados cometários, e não, não é de todo possível ignorar. Expressões como "não ligues" ou "não devias deixar afectar-te" são muito bonitas na boca dos outros, mas não servem para grande coisa (infelizmente) simplesmente não dá para carregar no off, não dá.
    É um facto que estamos mais sensíveis, menos tolerantes até, mas o grave é que a maioria das pessoas que nos magoam de alguma forma o sabem, porque já foram mães, e porque já passaram por isso, mas honestamente, a pior parte (até agora) de ir ser mãe, são as outras mães! Desculpem me, mas "odeio" os grupos de mães (estou num) são muitas das vezes más, fundamentalistas e desrespeitadoras das opiniões alheias. Honestamente, algumas vezes dá-me para rir, tantos são os disparates, mas respeito, porque é a escolha de cada uma... Mas não me vejo (de todo) em festinhas, a socializar com mães daquelas (há umas muito boa onda!). O que te posso dizer? não grande coisa, porque não é fácil ignorar, mas eu para não me chatear tanto, evito (fujo) de algumas situações, convívios... é como, morrer na ignorância... Só porque sou uma grávida descontraída, quase meio mundo me cai em cima... um beijinho Joana, boa sorte e muita paciência...

    ResponderEliminar