quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Somos como a Cristina Ferreira.

Também temos as nossas biografias. Não lançamos foi um livro com isso, mas ainda vamos a tempo.

Fotografia do nosso fim-de-semana no Vila Galé Évora.
Joana Gama. A mãe que queimou as pestanas de tanto ler livros mas também porque apagou uma vela demasiado perto. A mãe que acha bimbas as coisas queridas, mas por não ter jeito nenhum para combinar roupas. A mãe que demorou meia hora para perceber que o frasco se abria no sentido contrário (é burrinha, sim), talvez tenha sido por parte do cérebro ter ido no parto e a outra ter sido queimada por estar um ano e meio em casa com a Irene. Para já não quer mais filhos porque está a gostar de ter tempo para ir ao ginásio e daqueles 10 minutos no sofá à noite antes de começar a babar aquilo tudo. 


Joana Paixão Brás. A mãe calma e da paz. É tão tranquila que a Isabel chora em mute ou chorava. Agora a cantilena é outra. Agora é a Luísa, a irmã da Isabel que é muito calminha até porque tem sempre a mama da mãe na boca. Apesar da Joana já ter feito o desmame dos folhos da Isabel, já conseguiu repor o seu vício com a Luísa que só falta um pedaço de salsicha para parecer um folhado. Depois de ser produtora de televisão, de momento dedica-se à produção de miúdas em Santarém. Muitas apostas são feitas pelo concelho de que virá aí um terceiro. E é bem capaz. Sempre tem mais festas de aniversário para planear e fotografias amorosas para editar. 

Mais diferentes, só se uma de nós fosse um pinguim.

3 comentários:

  1. na minha humilde opinião... este blog é a vossa biografia... que muitas de nós acompanha!
    continuem assim meninas Joanas!!! :)
    vocês são uma companhia e fazem-me bem...

    ResponderEliminar
  2. Muito bom. Ri de caraças😂😂😂. Malucas!!! Adoro-vos e às vossas maluqueiras, que também são minhas. Mãe de 2 moçoilos. Beijocas. Cristina

    ResponderEliminar
  3. Fartei-me de rir agora 😄😄😄
    Adoro o sentido de humor 😉

    ResponderEliminar