quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Não sou a mãe mais feminina de sempre...

Já fiz aqui várias confissões de que não sou a mãe mais feminina de sempre. Tinha medo de que, por isso, não deixasse a Irene ser a pirosa que queira ser, mas vai acontecendo naturalmente. Se ela mostra interesse por alguma coisa, passa a ser giro e divertido. Mesmo que isso tenha brilhantes, demasiado cor-de-rosa, muitas flores, asas de borboleta e que implique parecer que gosto de ir à Claire's. 

Pensei que a miúda fosse usar calças de fato-de-treino para sempre, que só a calçasse com ténis, que não tivesse paciência para lhe fazer tranças e totós. Porém, houve algo que se apoderou de mim: ela. 

Ela gosta, ela pede, eu faço. E aqui entre nós? Fica linda. Fica linda a ser pirosa. 

A avó Sílvia ofereceu-lhe uma caixa de maquilhagem, tremi a pensar na quantidade de toalhitas e banhos que teria de dar, mas nem correu mal. Foi giro. Lindo, piroso e ... adorámos.



























:::::::::::::::

Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.

4 comentários:

  1. Ohhh, e onde é que a avó comprou a caixa de maquilhagem? Gostava de comprar para a minha princesa, ela adoooraaa essas coisas ;)

    ResponderEliminar
  2. E claro que deixas...Até porque tu tb estas a ficar super feminina e pirosa, queres é manter uma grande diferença entre ti e a JPB mas não faz mal assumires essa nova faceta que a a gente continua a vir ao blog na mesma. Já vimos pelas vossas "piquenas" e não por vocês..Bjs Sandra

    ResponderEliminar
  3. Olá Joana, já parecias eu a falar, também confesso que não sou a mãe mais feminina de todas, atualmente a minha filha tem mais calças do que vestidos, e ainda arranca os laços que lá de vez em quando eu ponho no cabelo, tenho de dizer que ela tem 17 meses!!! Mas ela não pára quieta, à dias vesti collants e um vestido, ela queria arrancar as collants, brigou tanto com os collants e andou a tropeçar no vestido a noite toda (...) e lá volto novamente a vestir calças que acho tãoooo práticas!!!

    ResponderEliminar
  4. Fiquei muito contente ao ler este post. Quando a Joana estava grávida, lembro me de ter lido uma crónica sua no Sapo Mulher que falava de como não queria que a sua cria vestisse pompons nem andasse vestida de princesa da Disney... Lembro me de ter pensado que não fazia ideia para o que ia...fiquei contente por ver que a Joana se apercebeu que mais importante do que tudo é conhece los, e se eles quiserem andar vestidos de semáforo, que sejam felizes.

    ResponderEliminar