segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

E de repente não me passo quando ela quer sujar tudo.

Ui, meninas! Espero que não tenham noção do que é viver cada movimento deles com um stress enorme antecipando aquela mancha de iogurte no sofá ou aquele rasto de migalhas da sala até ao quarto. A plasticina espalhada por aquele tapete que é difícil para caraças de aspirar, terra das plantas no edredão da cama, essas coisas. Vivo com muito stress (tudo no geral, mas em particular...) a possibilidade dela sujar alguma coisa e, por isso, o meu instinto é acabar com a brincadeira ou estar a fazer ressalvas de 2 em 2 minutos - o que é , de longe, das coisas mais irritantes de sempre quando se está no lugar da pessoa que só quer fazer alguma coisa em paz. 

E, houve um dia em que aqui esta mãe que hoje espalhou mal a base e como não a trouxe vai ter que lidar com isso até às 22horas teve a brilhante ideia de ir buscar a toalha anti-manchas que a mãe lhe ofereceu para por debaixo das toalhas normais da mesa. De repente, a Irene tem um tapete em que pode ajavardar o que quiser, como quiser e eu sei que é só pegar naquilo e sacudir na janela ou espetar para dentro do tambor da máquina e entrar em negação sobre o que aconteceu. 

Fotografia de Março de 2015, no post de receita de Plasticina Caseira.
Fotografia de Março de 2015, no post de receita de Plasticina Caseira.

Isso tem feito com que a Irene não só se possa lambuzar toda em tintas, mas também fazer papinhas com coisinhas fora do prazo que a mãe guarda no frigorífico até começar a ganhar um verde floresta simpático, assim até saem de lá mais cedo. A plasticina pode ser amassada no chão, até pode ser pizzada ou até posta dentro dos iogurtes, não quero saber. 

Numa brincadeira com tintas caseiras, num workshop em Fevereiro de 2015.



Amén, toalha anti-manchas que salva a motricidade fina da minha filha da minha ansiedade. 



O meu instagram e o d'a Mãe é que sabe :)
a Mãe é que sabe Instagram

2 comentários:

  1. Toalha anti-manchas? Preciso de uma e já 😊😂 do que se trata e onde a posso arranjar? Obrigada!!!

    ResponderEliminar
  2. Quando comprámos a nossa casa, decidimos manter todos os móveis que vieram com ela e os nossos móveis de estudante em vez de, como tínhamos pensado inicialmente, redecorar. Vamos agora fazer renovações porque tem que ser, mas a decoração vai ser à base de cores e fotografias, de maneira que seja fácil refrescar quando os miúdos forem maiores e já não tiverem a parede a desafiá-los para a usar como tela para uma obra abstracta. Assim podem brincar à vontade e eu não ganho (ainda mais) cabelos brancos a avisá-los disto e daquilo. E quem se queixar... está à vontade para vir limpar enquanto eu vou brincar com os miúdos. Há que ter prioridades bem definidas :D

    ResponderEliminar