domingo, 7 de janeiro de 2018

Quando não souberem o que oferecer a crianças... ofereçam livros!

Um livro é a prenda mais revisitada lá em casa. A par da família dos coelhinhos e dos lápis e canetas para pintar, é ao que mais "brincamos".

Comecei a fazer a biblioteca da Isabel quando ela estava na minha barriga. Começámos o ritual da história antes de ir dormir com meses, talvez uns 6, se não me falha a memória. Desde cedo que vi nela interesse em acompanhar o que lhe queríamos contar, com variações na voz, com diferentes sons e personagens. Com a Luísa, nem sempre foi assim, nem sempre consegui que ficasse concentrada a escutar uma história e a acompanhar as imagens, mas agora já lá chegámos. Mais ou menos. Ainda acontece não termos acabado e já estar a ir buscar outro. Mas este ritual, o ritual de ler, é algo que sempre fiz questão de lhes incutir (e começa logo, ainda antes de acharmos que estão preparados). Vou rezar para que o mantenham, sempre, mesmo quando isto concorrer com os desportos, a música, os jogos, os amigos, os festivais, os telemóveis. Que guardem sempre uma vontade de se evadirem com histórias e personagens. Que levem sempre um livro para a praia. Que tenham vários de cabeceira.

Este é o livro do momento cá em casa (pedi a uma tia delas no Natal, quando me perguntaram o que elas queriam. Elas não sabem mas querem muito livros! eheh). Comecei a fazer a biblioteca da Isabel quando ela estava na minha barriga.





O Cuquedo uma lengalenga muito divertida que a Isabel já sabe de cor e salteado. É simples e tem piada. As ilustrações são bonitas. É fácil de contar. E já há a sequela (O Cuquedo e Um Amor que Mete Medo) que tenho de lhe oferecer nos anos. No outro dia, quando fui buscar a Isabel à escola, estavam a desenhar o cuquedo e a senhora cuquedo por isso já percebi que há romance no ar.

Fica a dica, quando estiverem, como nós, sempre à procura de livros para eles. São os "brinquedos" que faço questão que tenham.



Depois, um que mostrei nos stories do instagram e que estaríamos a adorar não tivesse a Luísa dado cabo de duas páginas é este, O Monstro das Cores, em que as emoções são explicadas através das cores. [A personagem principal é um monstro que muda de cor consoante o que está a sentir e a sua amiga explica-lhe o que significa estar triste, estar alegre, ter medo, estar calmo e sentir raiva.] Organiza os sentimentos em frasquinhos. Giro, giro. 

Ainda nesta onda de explicar os sentimentos, este. O Livro Zangado ajuda a explicar a raiva, a ira, e ajuda a lidar com as zangas. Quando a Isabel está zangada, normalmente pergunto-lhe de que cor acha que está e lá se lembra do livro e da cor vermelha e lembra-se de contar até 10. (Temos também O Livro com Sono).

Hoje ofereci este à prima da Isabel e da Luísa, que fez anos, e espero que ela goste muito. Conheci este autor, o Hervé Tullet, através da Joana Gama e, coincidentemente, foi uma das histórias na hora do conto lá em Santarém, que deixou os miúdos todos super atentos. Oh! Um Livro com Sons! leva-nos ao mundo da imaginação através das cores e quem faz os sons somos nós, carregando o dedo na página). Muito divertido, muito estimulante e um óptimo passatempo para pais e filhos (a prima fez 5 anos e acho mais apropriado para essa idade, ou a partir dessa idade).

Só mais um! Nas nossas férias em Azeitão os nossos amigos tinham este e foi risada garantida: A Toupeira que Queria Saber Quem lhe Fizera Aquilo na Cabeça. Aquilo é um cocó. Risadas garantidas, com um tema tão escatológico abordado de forma tão natural e divertida. Não temos, mas está na lista.



Pronto, já têm aqui uma listinha bem jeitosa para a vossa biblioteca. Quando não souberem o que oferecer, ofereçam livros! Livros nunca são demais.

Quero ideias para a troca. Digam-me coisas: quais são os vossos preferidos?


O meu instagram e o d'a Mãe é que sabe :

a Mãe é que sabe Instagram


16 comentários:

  1. Por cá as histórias antes de dormir são obrigatórias, normalmente cada um escolhe um livro para lermos. Temos o da toupeira que o pai deu no ano passado. Confesso que não acho grande piada ao conteúdo, mas os miúdos gostam, claro! Também temos dois con essa questão das cores/sentimentos, que eles adoraram: de que cor são os beijos (imaginarium), o João Maria adorava! E “No meu coração pequenino”, que o António gosta muito. Os favoritos do momento são “Coração de mãe” e “P de pai”, em que eles adoram identificar-se consoante o contexto.
    O do cuquedo hei de comprar que em tempos o JM falava muito dele.
    Outra coisa: acho que por muitos livros que lhes demos, o que mais pode estimular a leitura é eles verem os pais ler também. Hoje à tarde deixei o telemóvel bem longe e estive no sofá a ler enquanto eles brincavam. Não respondi no post mas também tenho o vício do telemóvel e ando mesmo a tentar largar porque consome tempo precioso!

    Beijinhos para todas!

    ResponderEliminar
  2. Por cá as histórias antes de dormir são obrigatórias, normalmente cada um escolhe um livro para lermos. Temos o da toupeira que o pai deu no ano passado. Confesso que não acho grande piada ao conteúdo, mas os miúdos gostam, claro! Também temos dois con essa questão das cores/sentimentos, que eles adoraram: de que cor são os beijos (imaginarium), o João Maria adorava! E “No meu coração pequenino”, que o António gosta muito. Os favoritos do momento são “Coração de mãe” e “P de pai”, em que eles adoram identificar-se consoante o contexto.
    O do cuquedo hei de comprar que em tempos o JM falava muito dele.
    Outra coisa: acho que por muitos livros que lhes demos, o que mais pode estimular a leitura é eles verem os pais ler também. Hoje à tarde deixei o telemóvel bem longe e estive no sofá a ler enquanto eles brincavam. Não respondi no post mas também tenho o vício do telemóvel e ando mesmo a tentar largar porque consome tempo precioso!

    Beijinhos para todas!

    ResponderEliminar
  3. Os meus também adoram o cuquedo! Agora também estão a gostar muito de " Onde está o bolo?" Uma história apenas com ilustrações mas muitas personagens e acções que contamos e recontados a nossa maneira. "Quando eu nasci", " A que sabe a lua?"e"Os ovos misteriosos"e " A lagartinha muito comilona" também estão no Top. De Hervé Tullet adoram o "jogo das sombras". Uns livros que acho também uma boa compra são os da Porto editora de " Histórias para os ... Anos", tem para os 2, os 3 e os 4. Com temáticas que eles gostam e rimas adoráveis. Tenho o de 1 ano, que adoro e deve ser dos mais lidos de sempre cá em cada(agora até ela já sabe as rimas de cor) mas nunca mais o vi à venda...é " Histórias para a tua idade 1"

    ResponderEliminar
  4. O preferido do momento é "Vou Amar-te para Sempre". Depois de termos ido ver o filme "Coco", porque o meu filho de 5 anos começou a revelar profundas preocupações com a morte e o que vem depois, comprei este livro que é de uma beleza incrível. Fala da relação mãe-filho e da autonomia deste, ainda que cheia de amor. Gostamos muito.

    ResponderEliminar
  5. Por aqui e desde bem pequenina, a que sabe a lua". Agora também anda a fazer furor "o monstro das cores"

    ResponderEliminar
  6. A minha filhota aprendeu o cuquedo a cantar, na creche, e é uma lenga lenga gira que fica na cabeça

    ResponderEliminar
  7. Procure:
    "todos no sofá" livros horizonte;
    "um livro" edicare;
    "ovelhinha dá-me lã" kalandraka
    "vamos à caça do urso" caminho
    Boas leituras!

    ResponderEliminar
  8. Livros, sim, livros... Comecei a dizer para oferecerem à minha baby desde o seu primeiro natal, as pessoas acharam estranho, mas a verdade é que ela adora e já lá vai mais um ano!!!

    Grandes sucessos cá por casa:

    Trincas ( o monstro que comia livros)
    "Posso espreitar a tua fralda" (:a história de um ratinho que já usa o bacio e que espreita a fralda de todos os amigos até que os mesmo também decidem usar o bacio)
    A vaquinha Clara ( vinha com uma revista é uma vaca em peluche, e este sei totalmente de cor!!!)

    E este natal chegaram cá a casa dois da nova colecção do Vitinho 🤩😍🤩

    ResponderEliminar
  9. Olá Joana, sou educadora de infância em creche e o cuquedo é sempre um sucesso na minha sala de 1/2 anos, até já temos uma mascote, para que possam explorar, brincar e não ter medo. Obrigada pelas dicas dos livros. A minha filha adora um livro que se chama "A caixa" da minutos de leitura, eu também a adoro confesso. Temos também "Vamos à caça do urso" e o "Quem dá um abraço ao Martim". Podia passar aqui a noite a falar de livros. Beijinhos e obrigada por partilharem connosco coisas tão boas.

    ResponderEliminar
  10. O da toupeira é demais! 😊 por aqui a filhota com 2 anos e meio desde cedo que adora livros, que assim continue também é o que desejamos! Cromos para a troca: A que sabe a lua, Caramba, o Gato Gui e os monstros, a Lagarta comilona, o Pinto careca, Um bicho estranho... a editora kalandraka não desilude. Obrigada pela partilha!

    ResponderEliminar
  11. O cuquedo cá em casa também fez sucesso.
    O livro “Se eu fosse...” de RICHARD ZIMLER, também faz as delicias dela e puxa muito pela sua imaginação.

    ResponderEliminar
  12. Recomendo o "monstro das festinhas". Super divertido e com um monstrinho amoroso!

    ResponderEliminar
  13. Alguns dos preferidos:

    O dia em que o senhor Bonifácio ficou doente (Lindo! Sobre a amizade e com ilustrações maravilhosas. Uma ternura de livro);

    Trincas

    A lagartinha comilona

    ResponderEliminar
  14. Bom dia pessoas ❤️
    Cá em casa estamos com o Cuquedo; Cuquedo é um amor que mete medo e o Grufalao; beijocas grandes e um bom ano a todos👏

    ResponderEliminar
  15. Boa tarde,sou fã de literatura infantil...tb sou educadora de infância..por isso suspeita para falar..vou deixar algumas sugestões que vale a pena_
    O grufalao
    Um livro
    A árvore
    O rapaz que comia livros
    Mamã raposa
    Este Alex é meu
    A grande fábrica das palavras
    Orelhas de borboleta
    Estranhas criaturas
    O urso é o piano
    Divirtam se muito...lêam muito...qq disponham.bj

    ResponderEliminar
  16. Obrigado a todas pelas ideias de novos livros a explorar.. Vamos a isso....

    ResponderEliminar