quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Só mais um bocadinho, só mais um bocadinho.

A Joana, no post da manhã, falou em que tem adorado adormecer a Isabel. Há realmente fases, umas melhores que as outras. Umas em que até ficamos com pena que eles tenham adormecido tão rápido, outras em que já nos apetece dar-lhes uma marretada na retina para ver se se acalmam um bocadinho. 

Adormecer a Irene foi sempre algo muito custoso para mim (cusquem aqui a tag "sono") até me ter curado da minha ansiedade generalizada. Agora sinto-me muito melhor e, por isso, já passo menos para ela e relaxamos as duas na hora de ir dormir. 

Ontem ela estava exausta. O pai não conseguiu adormecê-la na sesta da tarde e às 19h30 até foi ela quem pediu para ir dormir. 

Fui. Maminha ao colo até começar a deixar cair a cabeça para cima de mim. Com uma mão a acompanhar a curvatura do rabinho. Com o coelhinho numa das mãos (tem que ir para lavar, 'tadinho) e a ouvi-la, a senti-la. 

Adormeceu demasiado cedo. Demorei mais a pô-la na cama. Quis estar a abraçá-la mais tempo. Só a pus na cama porque achei que dormiria melhor não estando tão curvada nos meus braços tanto tempo. 

Quando vão dormir mais cedo, é chato. Quando não adormecem, é chato. :) 


Caixa de luz BabyTime.

2 comentários:

  1. A minha pequena dorme só com 4 (se não contei mal) bonecos.
    Um, o preferido neste momento, estava imundo. Depois de uma noite estar a dormir, decidi ir lá tirá-lo para lavar. Pensei que de noite podia nem dar pela falta dele.
    Acordou perguntou por ele, disse-lhe que não sabia, para ver se se esquecia. Não resultou... e comecei a pensar que ía correr muuuuito mal.
    Decidi dizer a verdade, que como estava muito sujo (ela própria já dizia), tinha sido lavado e agora estava molhado, o sol tinha de secar. Foi o melhor. Entendeu, agarrou outro, virou-se e adormeceu. Uff, ainda bem :-)

    ResponderEliminar
  2. Verdade, verdadinha!!!!! Dá cá uma saudade!!!!

    ResponderEliminar